-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores dos temas aqui apresentados.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* 7.350' LETRAS <> 3.180.000 VISITAS * ABRIL 2024 *

. . .

Coração, se já morreste

José Luís Gordo / Direitos reservados
Repertório de Maria de Fé

Porque o olho quando o vejo
Porque o vejo sem olhar
Porque longe dos meus olhos
Andam os seus a lembrar

Mas se não amo, nem posso 
Que pode então isto ser
Coração, se já morreste 
Porque te sinto bater
E desconfio que vives
Sem tu nem eu o saber

Porque, tímida lhe falo 
E dantes não era assim
Porque mal a voz lhe escuto 
Não sei o que sinto em mim

Porque estremeço contente 
Quando ele me estende a mão
Mas se às outras faz o mesmo 
Porque é que não gosto então
Deveras que não me entendo
Não te entendo, coração