- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Companheiro

Pedro Homem de Melo / João Braga
Repertório de João Braga

Negaram-lhe a luz, negaram-lhe a água
Negaram-lhe o vinho
Negaram-lhe a luz, negaram-lhe o vinho
As rossa e o leite

E se encontrou cama onde ainda se deite
É porque a beleza
E se encontrou cama é porque a beleza
É feita de mágoa

Meu único amigo, meu único irmão
Embrulhou-o a lua
Meu único amigo, embrulhou-o a lua
Em seu cobertor

Meu único amigo, meu único irmão
Não teve jazigo
Não teve caixão, teve uma guitarra
O meu coração

Negaram-lhe a luz, negaram-lhe a água
Negaram-lhe o vinho, as rossa e o leite
E se encontrou cama onde ainda se deite
É porque a beleza é feita de mágoa

Meu único amigo, meu único irmão
Não teve jazigo
Não teve caixão, teve uma guitarra
O meu coração