<> Canal de Rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça a Rádio Bocas do Fado

<> <> <>
As 5.750 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Vem ver o fado

José Guimarães / Rezende Dias
Repertório de Manuel Morais

Há muita gente trocista / Que com má fé apregoa
Que o fado p'ra ser fadista / Só o fado de Lisboa

E eu digo numa voz forte / Enquanto tiver garganta
O fado é também no norte / No Porto também se canta

Vai ali á beira rio
Verás o fado, verás o fado
Olha o velho casario

Verás o fado, verás o fado
Vai ao Barredo sombrio

Verás o fado, verás o fado
Mas ali na velha Sé

Verás o fado tal como é

O fado nos acarinha / Quando com alma é cantado
Não faz mal ser alfacinha / Basta só que seja fado

Há quem duvide, talvez / Mas não receio afirmar
Que onde houver um português / O fado tem o seu lugar