- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Já não brincas

Adriano Reis / Amadeu Ramim *fado zeca*
Repertório de César Morgado

Não te recordas já, eras garota
Vinhas brincar comigo horas inteiras
E o suor me caía gota a gota
Cansado com as tuas brincadeiras

Traquina punhas tudo em alvoroço
Os teus olhos sorriam de contentes
Beijavas-me, envolvias-me o pescoço
Com teus beijos e abraços inocentes

Era um dos teus amigos mais preferidos
E tu, na tua infantil ingenuidade
Mostravas-me as bonecas e os vestidos
Eu tinha pouco mais que a tua idade

Soltavas gargalhadas triunfantes
Feliz, com tua graça encantadora
Já não brincas comigo como dantes
Estás linda, estás agora uma senhora

Como tudo mudou, fico a pensar
Que nem um beijo teu hoje consigo
Agora que eu te queria ver brincar
É que tu já não queres brincar comigo