- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Eu fecho os olhos p’ra dar

Aldina Duarte / José António Sabrosa
Repertório de Joana Amendoeira

Trago nos olhos segredos
Que todos julgam saber
São rosários, são enredos
Que ganham razão de ser

O olhar que traz verdade / Também luz outros anseios
Incertazas e saudade / Que em mim desfazem enleios

Revelar, não é partir / Não querer ver, é despedida
Cinco sentidos, sentir / E dar um sentido á vida

A cegueira faz pensar / Nos segredos confundidos
E eu fecho os olhos p’ra dar / Imensidão aos sentidos