- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.530 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Alfama *Maurício*

Conde Sobral / Alfredo Correeiro *marcha do correeiro*
Repertório de Fernando Maurício

Alfama, bairro velhinho
Monumento de saudade
Sacrário de tradições;
Tens um lugar de carinho
E de sincera amizade
Nas minhas recordações

Bairro de gente do mar / Varinas e marinheiros

São o fruto que nos dás
Honrados no trabalhar / Alegres e galhofeiros

No descanso e boa paz

Quando tens uma tristeza / No coração magoado

Cantando a sabes dizer
O teu fado é uma reza / E desabafas num fado
A razão do teu sofrer

Usando por garridice
Craveiros a enfeitar / O beco mais recatado
És mais velha que a velhice
Mais marinheira que o mar / E mais fadista que o fado