- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Cara bonita

José Correia / Ferrer Trindade
Repertório de Tristão da Silva

Ao ver teu rosto bonito
Custa-me a crer, não acredito
Que um fado triste te deu
Grande castigo igual ao meu

Mas se bem te fitar
Nesses teus olhos em que sem fé um sonho ardeu
Talvez entenda a razão
Porque tu és tal como eu

Cara bonita, disfarças bem teu desgosto
Andas a rir da desdita que adivinho no teu rosto
Linda carita, p'ra te ver feliz eu queria
A tua cara bonita junto a mim de noite e dia

Ao ver teu rosto bonito
Custa-me-a crer, não acredito
Que já sofreste também
E p'ra teu mal amando alguém

A vida, quis assim
E castigou-nos por tanto amar, a mim e a ti
Por isso entendo a razão
Pois como tu, também sofri