<>-----<>-----<> Existe um espaço de 20 segundos entre o começo do Fado e a sua identificação <>-----<>-----<>
Loading ...

5.915 LETRAS // 1.500.000 VISITAS // DEZEMBRO 2019

Lisboa ao nascer do sol

Artur Soares Pereira / Casimiro Ramos *fado três bairros*
Repertório de Daniel Gouveia 

Eu ainda estou p’ra saber
Como fui parar um dia
Ali, ao Cais da Matinha
Foi pelo amanhecer
E pouca gente se via
Nessa zona ribeirinha

Dei por mim a admirar / Como é lindo o nosso Tejo
Visto assim, p’la madrugada
Senti ganas de cantar / E não contive o desejo
Não pude fazer mais nada

E quando cheguei ao fim / Senti a felicidade
De quem diz uma oração
Olhei, vi junto de mim / Um pescador já de idade
Com uma guitarra na mão

Disse-me assim: Meu amigo / Ouvi-te com muito agrado
Vejo que adoras Lisboa
Vou-te pedir: vem comigo / Quero-te acompanhar num fado
Dentro da minha canoa

Descendo o Tejo lendário / Cantei até ao Bugio
Depois lá, junto ao farol
Vi o mais belo cenário / Que o meu olhar jamais viu:
Lisboa, ao nascer do sol