- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.515 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Tenho ruas no meu peito

Maria de Lourdes de Carvalho / António Chaínho
Repertório de Ana Sofia Varela

Tenho ruas no meu peito
Caminhadas numa noite
Sombras zombando da forma
Cm que desenho o teu nome

Lanço meus gritos sem voz / Sobre a casta flor pura
Penetro os dedos de amante / Na noite apenas tua

Mordo singelas palavras / De romances já perdidos
Desenhos, sonhos, saudades / Se traduzem em sentidos

Abro o meu peito doente / Da raiva com que te espero
Dou largas à nostalgia / Das noites em que te quero