- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.500 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Bendita seja essa voz

Clemente Pereira / Filipe Pinto *fado meia noite*
Repertório de Maria Valejo

Na minh’alma entristecida
Vivem dois fados a par
O fado da minha vida
E o fado que ando a cantar

Assim, pela vida fora / Chorarei sem mostrar pranto
Porque é minha’alma que chora / Sentindo o fado que eu canto

Não me dou por fatalista / O ser fadista me encanta
Porque o fado da fadista / Está no fado que ela canta

Se ele é um bem para nós / A voz do que a gente sente
Bendita seja essa voz / Que canta as mágoas da gente