- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Esta Lisboa

Rodrigo Serrão / Pedro Pinhal
Repertório de Celeste Rodrigues

Corre o tempo devagar
Por vielas já esquecidas
Com janelas de encantar
Em molduras coloridas

Na Lisboa dos meus versos / Não há espaço p'ra certezas
É nascente a céu aberto / De alegrias e tristezas

Na Lisboa dos meus passos / Vejo olhos que suspiram
Com certeza de saudade / Presa em folhas que caíram

Na Lisboa do meu Tejo / Corre o tempo leve e voa
Hoje já sei o que vejo / Minha casa, esta Lisboa