- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.520 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Quando partiste

Letra e musica de Paco Gonzalez
Repertório de José Manuel Castro

Quando partiste, foram contigo os meus desejos
Quando partiste, foram contigo os meus abraços
E vivo agora a mendigar teus falsos beijos
Ouvindo os risos que tu dás aos meus fracassos
Quando partiste, nunca supuz que à despedida
Ia contigo o naufragar da minha vida

Não te posso censurar, sei bem
Podes dar a quem quiseres, calor
Mas se um dia tu ouvires alguém
Como louca te chamar, amor
Sou eu, sou eu, sou eu
Que nunca te esqueci
E sei amor, meu bem, que te perdi

Quando partiste, julguei vencer o desespero
Quando partiste, julguei vencer a solidão
Menti, menti, p’ra não cantar o que te quero
Mas já sem forças, o meu pobre coração
Diz-me a gritar, diz-me a chorar que na verdade
É bem cruel a voz amarga da saudade