- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Quadras do povo

João Nobre
Repertório de Carlos Zel

Como a gente se habitua / A
alguém, nunca entendi
A minha vida que é tua /
Não sabe viver sem ti

Trocam-se as vidas num beijo /
Tantas trocamos, meu bem
Que é nos teus lábios que eu vejo / Que não vejo mais ninguém

Feliz do povo... que para a vida ser bela
Basta uma quadra singela
Que lhe fale ao coração
Feliz do povo... pois é feliz concerteza
Quem fez da própria tristeza
Desde há muito, uma canção


Quatro letras tem amor / As mesmas que o ódio tem
Mas numa jura a rigor / Há quatro letras também

Em quatro salmos se encerra / Uma história e quem diria
Que em quatro palmos de terra / Tudo há-de acabar, um dia