- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.500 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Senhor advogado

Carlos Arboleda / Pierre
Repertório de Tristão da Silva

Deixe-me tranquilo senhor advogado
Não quero defesa, prefiro morrer
Ela já não vive por haver faltado
Ao seu juramento, ao santo dever

Quando em meu trabalho era noite fria
Eu fui dispensado, tive de voltar
Entrei em silêncio, cheio de alegria
Para que entre beijos a pudesse acordar

Mas eu não sabia o que me esperava
Cheio de vergonha não posso contar
Ela me traía, ela me enganava
E em meu desespero tive de matar

Era a minha vida que ali findava
Esse triste quadro não posso esquecer
Deixe-me tranquilo senhor advogado
Não quero defesa, prefiro morrer