- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.500 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

A porta do coração

Carlos Conde / Raúl Pinto *fado raul pinto*
Repertório de Ricardo Ribeiro

Feia ou bonita, que importa
Se nos assalta a paixão
Por quem nos sabe vencer
O coração tem uma porta
A porta do coração
Abre-se ás vezes sem querer

Cruzei um dia na vida
Um olhar tão apreceito / Que me toldou a presença
Ela não pediu guarida
Mas bateu com tanto jeito / Que entrou sem eu dar licença

O amor é um imprevisto
Faz-nos rir, faz-nos chorar / Faz-nos sofrer e sentir
O meu coração tem disto
Ás vezes quero fechar / Mas ele teima em abrir

Que importa o riso, a traição
Quem ama, tudo suporta / O resto não tem valor
Só quem não tem coração
É que não uma porta / P’ra dar entrada ao amor