As 5.180 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores !!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
<> POR FAVOR, alerte-me para qualquer erro que encontre <>
<> Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Por motivos alheios à minha vontade, o motor de busca nem sempre responde satisfatóriamente *

* A seleção alfabética é da responsabilidade da blogspot !!!
* Caso necessite de ajuda envie a sua mensagem para: fadopoesia@gmail.com *
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Vê a noite

José Fernandes Castro / Martinho d’Assunção
Repertório de Augusto José

Vê como a noite é bela com estrelas no céu
Repara como a lua sorri envaidecida
Até a côr singela que o dia escureceu
É vida que flutua na noite que é tão vida

Vê como a noite é louca nas façanhas do amor
Vê cada madrugada, a respirar desejo
E vê em cada boca, a ternura maior
Amar e ser amada, pela força dum beijo

Vê como a noite é mãe dos filhos deste mundo
Repara que o luar contém beleza infinda
A doçura que tem, o respirar profundo
É vida a retractar a noite, que é tão linda