<> Canal de Rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça a Rádio Bocas do Fado

<> <> <>
Este espaço foi criado <> Com grande dedicação <> Por alguém que faz do fado <> A sua religião.

<> <> <>
As 5.845 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

Fado vivido

Manuela de Freitas / Miguel Amaral
Repertório de Miguel Xavier

Eu sei que o amor tem arte
De fingir e de cegar
Mas mais que amor, é amar-te
Conseguindo perdoar-te
Sem nada te desculpar

Tu finges que estás à espera / Que eu escreva um fado menor
A dizer que a Primavera / Nada perdeu do que era
Por morrer o nosso amor

De que me serve inventar / Um fado que tu não sentes
Nunca o vais poder cantar / Tu mentes sempre a falar
Mas a cantar nunca mentes

Por isso é que eu acredito / Que entre os fados que vivi
O meu fado mais bonito / Mesmo que não seja escrito
Será cantado por ti