- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

A jóia mais bonita

Joaquim Silva Borges / Júlio Proença *fado puxavante*
Repertório de Nelson Duarte

Essa jóia tão bonita
Que eu não vendo a ninguém
É a velhinha bendita
Que se chama minha mãe

Sou pobre, mas a riqueza / Que tenho não se acredita
Pois guardo com avareza / Essa jóia tão bonita

Guardo-a no meu coração / Pois tal valor ela tem
É jóia de estimação / Que eu não vendo a ninguém

Quando minha mãe morrer / Chorarei minha desdita
A causa do meu sofrer / É a velhinha bendita

Se me dessem todo o ouro / Que o milionário tem
Eu não vendia o tesouro / Que se chama, minha mãe