- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Eu gosto dum marinheiro

Frederico Valério / José Galhardo
Repertório de Helena Tavares

Trago o mar dentro do peito / E ando com ele a sonhar
Até que o sonho é desfeito / Na branca espuma do mar

Ó mar tu és um momento / Que outro a seguir já desfez
Verde, azul, branco e cinzento / Vais e vens com as marés

Eu gosto dum marinheiro
E vejo o mar sem ter fim
E a minha cruz é um cruzeiro
Em que ele embarca sem mim;
Na outra volta sustenta
Que um dia me há-de levar
Cruzeiro em mar de água benta
Cruzeiro em cima do altar

Fiz uma santa promessa / Fui um milagre implorar
Para que voltes depressa / E não me esqueças no mar

Por cada vela da Sagres / Hei-de uma vela acender
À Senhora dos Milagres / Que o milagre vai fazer


Letra extraída do blogue: http://fadosrecordandoopassado.blogspot.com