Clique na imagem e oiça Fado !!!
* * * * *
As 5.380 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores !!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
<> Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE *filósofo brasileiro* 1921/1997
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Por motivos alheios à minha vontade, o motor de busca nem sempre responde satisfatóriamente *
------------------------------------------------------------------------- -------------------------------------------------------------------------
* Caso necessite de ajuda envie a sua mensagem para: fadopoesia@gmail.com *
* * * * *

Para meu mal

António Cerqueira / Alfredo Marceneiro *fado versículo*
Repertório de Pedro Viola

Há muito que ando a sofrer só por te amar
Embora guarde silêncio absoluto
E cada dia que passa, a minha dor
Torna o meu coração negro como luto

Já te amei, já te esqueci, mas p'ra meu mal
Passaste por mim na rua, e surpreendido
Esse amor que eu julguei ter acabado
Eu senti dentro em meu peito, renascido

Passa o tempo e eu pergunto a mim mesmo
Qual a paga pela dor que a gente sente
Ama a gente alguém na vida, mais que tudo
E esse alguém que a gente quer, não quer a gente