- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - - - -
As 5.440 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os
- - - - -
Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE *filósofo*
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Namorados da cidade

Ary dos Santos / Fernando Tordo
Repertório de Carlos do Carmo

Namorados da cidade / Á beira-Tejo assentados
A dormir na Madragoa / Namorados de Lisboa
Num mirante deslumbrados / Á beira-verde acordados
Namorados de Lisboa

Ao domingo, uma cerveja / Uma pevide salgada
Uma boca que se beija / E que nos sabe a cereja
A miséria adocicada / Á beira-mar plantada
Namorados de Lisboa

Sempre sempre apaixonados / Mesmo que a tristeza doa
Namorados de Lisboa

Namorados de Lisboa / Na cadeira de uma cinema
Onde as mãos andam á toa / Á procura dum poema
Namorados de Lisboa
Que o mistério não desvenda / Até que o escuro se acenda

Namorados de Lisboa / A apertar num vão de escada
O prazer que nos magoa / E depois não sabe a nada
Namorados de Lisboa / A morar num vão de escada
Namorados de Lisboa

Sempre sempre apaixonados / Mesmo que a tristeza doa
Namorados de Lisboa