- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.515 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Qualquer coisa que me anima

Maria João Dãmaso / Alfredo Duarte *fado cuf*
Repertório de Fernando Jorge

Em ti há qualquer coisa que me anima
Em ti há qualquer coisa que me transcende
Que me queima as palavras, que não rima
Em ti há qualquer coisa que me prende

É qualquer imensa imensa, vem de cima
E desce sobre mim, quase me ofende
Meus sentidos domina e desanima
Mas a minha vontade não se rende

A vontade é de ferro no meu peito
Mais feroz que a ânsia da saudade
Mais pura que o olhar com que te enfeito
Mais pura que a força da verdade

E se a minha vontade me seduz
Maior que o orgulho, que a verdade
Só ela é que me acalma e te reduz
Só ela me transporta à realidade