- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

A minha estrela

Hermano Sobral / Luísa Sobral
Repertório de Ana Moura

No azul silente do céu
Brilha uma estrela sozinha
Concerteza que é a minha
Tão sozinha como eu

Cansada de mendigar / A esmola dum olhar teu
Fui meus olhos repousar / No azul silento do céu

No firmanento sem fim / Que a mão de Deus encaminha
Talvez com pena de mim / Brilha uma estrela sozinha 

A sua luz lembra bem / A que dos teus olhos vinha
Mas a constância que tem / Concerteza que á a minha

Passo as noites a revê-le / Na graça que Deus lhe deu
Ando presa a essa estrela / Tão sozinha como eu