-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores dos temas aqui apresentados.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* 7.350' LETRAS <> 3.257.500 VISITAS * MAIO 2024 *

. . .

Soneto para os meus pais

Título original *Alma perdida*
Florbela Espanca / Edgar Nogueira
Repertório de Catarina Rosa

Toda esta noite o rouxinol chorou
Gemeu, rezou, gritou perdidamente
Alma de rouxinol, alma da gente
Tu és talvez alguém que se finou

Tu és talvez um sonho que passou
Que se fundiu na dor, suavemente
Talvez sejas a alma, a alma doente
Dalguém que quis amar e nunca amou

Toda a noite choraste e eu chorei
Talvez porque ao ouvir-te, adivinhei
Que ninguém é mais triste do que nós

Contaste tanta coisa à noite calma
Que eu pensei que tu eras a minh'alma
Que chorasse perdida em tua voz