- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.530 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Amor aos molhos

Teresinha Landeiro / Pedro de Castro
Repertório de Teresinha Landeiro

Amor aos molhos
Dizem meus olhos
Quando te vejo de noite, ao cantar
Digo o que sinto
Juro, não minto
Tenho o desejo de te namorar;
Digo o que sinto
Juro, não minto
Sei que um dia ainda vamos casar

A tua boca de noite voltou
Vinha mais bela que as ondas do mar
Essa que um dia saudade deixou
E o desejo de um dia a beijar;
Desde esse dia em meu sonho ficou
Esta loucura de amar

A tua boca de noite voltou
Nela, sem medo, poisei meu olhar
Desde esse dia meu fado ficou
Preso nas rimas do meu verbo amar;
Quando acordo e tua não sou
Peço p’rá noite voltar