- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.520 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Rústica

Florbela Espanca / Casimiro Ramos *fado fé*
Repertório de Patrícia Costa

Eu queria ser camponesa
Ir esperar-te à tardinha
Quando é doce a natureza
No silêncio da devesa
E só voltar à noitinha

Levar o cântaro à fonte / Deixá-lo devagarinho
E correndo pela ponte / Que fica detrás do monte
Ir encontrar-te sózinho

E depois, quando o luar / Andasse pelas estradas
De olhos cheios do teu olhar / Eu voltaria a sonhar
P’los caminhos de mãos dadas

E fitando ao longe a ponte / Com meu olhar cheio do teu
Diria a sorrir, p’ro monte / O cântaro ficou na fonte
Mas os beijos, troxe-os eu