- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.535 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Lá vai a Rosa Maria

João Dias / Moniz Pereira
Repertório de Lucília do Carmo
Este tema também aparece gravado com o título: Rosa da Madragoa

No Bairro da Madragoa / À janela de Lisboa
Nasceu a Rosa Maria
Filha de gente vareira / Foi criada na Ribeira
Entre peixe e maresia


Flor mulher aquela rosa / É a moça mais airosa
Que a lota já conheceu
E toda a malta do mar / Suspira ao vê-la passar
De chinela e perna ao léu


Lá vai a Rosa Maria
Que é a alegria desta Ribeira
Ouvi e ri à gargalhada

Qualquer piada, por mais brejeira
Vai bugiar meu menino

Não deites barro á parede
Que esta Rosa é peixe fino

P'rás malhas da tua rede

O jovem Chico Fateixa / Já jurou que não a deixa
Pois a paixão é teimosa
É de tal modo a cegueira / Que deu à sua traineira
O nome daquela Rosa


E a flor da Madragoa / Ao ver escrito na proa
Seu nome, Rosa Maria
Abriu os braços ao Chico / Começou o namorico
E vão casar qualquer dia