- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.580 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Fado da vendedeira

Aldina Duarte / Manuel Maria Rodrigues *marcha do manel maria*
Repertório de Camané 

Vendedeira que apregoas

Entre muitas coisas boas
Uma vida de cansaço;
Rua abaixo, rua acima
Ligeireza de menina
Com vaidade no teu passo

Hoje fruta, amanhã flores
Ao sabor dos teus amores / Tua voz tu vais moldar
Ora triste, ora contente
Se a falar ficas diferente / Não te negas a mostrar

No Inverno és calor
Com certeza sem favor / Nunca paras com o frio
O teu lenço cai no xaile
Como quem dança no baile / Num perfeito desvario

Na cintura bem marcado
Em teu colo pendurado / O avental é um carinho
A brilhar por tanta rua
A saudade é toda tua / Quando mudas de caminho