<> Canal de Rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça a Rádio Bocas do Fado

<> <> <>
As 5.760 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

O meu fado

Júlio Vieitas
Repertório de Fernando Maurício

O mistério mais profundo / Está no destino marcado
Seja onde fôr, neste mundo / Todos nós temos um fado

O meu está bem definido / É castiço e tem magia
Basta, p'ra lhe dar sentido / Eu ter nascido na Mouraria

Um fadista quando canta
A voz sai da garganta, os ais do coração
Mata a dôr, faz esquecer
Alguém que o faz sofrer d'amor e d'ilusão

A vida tem os seus fados / Marcados pelo destino
Quantos caminhos cruzados / Eu passei, desde menino

Mas que me importa o passado / Quando o futuro se avista
Tenho o destino marcado / Neste meu fado de ser fadista