- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Lusitana paixão

José da Ponte / Fred Micaelo / Jorge Quintela
Repertório de Dulce Pontes

Fado... chorar a tristeza bem
Fado... adormecer com a dor
Fado... só quando a saudade vem
Arrancar do meu passado um grande amor

Mas... não condeno essa paixão
Essa mágoa das palavras
Que a guitarra vai gemendo também
Eu não, eu não pedirei perdão
Quando gozar o pecado e
 voltar a dar de mim
Porque eu quero ser feliz 
E a desdita não se diz
Não quero o que o fado quer dizer

Fado... soluçar recordações
Fado... reviver uma tal dor
Fado... só quando a saudade vem
Arrancar do meu passado um grande amor

Mas não condeno essa paixão
Essa mágoa das palavras
Que a guitarra vai gemendo também
Eu não, eu não pedirei perdão
Quando gozar o pecado e voltar a dar de mim

Eu sei desse lado que há em nós
Cheio de alma lusitana como a lenda da Severa
Porque eu quero ser feliz
E a desdita não se diz
O fado não me faz arrepender