- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.520 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Tricana linda

Henrique Rego / Alfredo Duarte
Repertório de Alfredo Marceneiro 


Contou-me o rouxinol velhinho, do Choupal
Que a mais linda tricana um dia se finara
Por ter repudiado o seu amor fatal
Um jovem trovador por quem se apaixonara 


Vinha a cantar na mesma as suas serenatas
Nas margens do Mondego, o gentil trovador
Sem se importar jamais nas suas canções gratas
Da pobre que morrera entregue ao seu amor 


E diz que desde então, um eco murmurante
Que no Choupal responde à banda estudantina
É da tricana a voz, que julga ser o amante
Que hoje por lá canta a sua triste sina