- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - - - -
As 5.440 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os
- - - - -
Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE *filósofo
- - - - -
USE O MOTOR DE BUSCA *barra de links* PARA PESQUISA FÁCIL

Sopram ventos adversos

Manuela de Freitas / José Mário Branco
Repertório de Camané

Sopram ventos adversos

Junto à praia que se quis
E há sentimentos dispersos
Que são barcos submersos

No mar do que se não diz / Nos mastros que vão quebrar
Soltas velas de cambraia / E é cada remo a tentar

Menos um barco no mar
Mais um cadáver na praia
O dia nunca alcançado morre em todas as marés
E é sempre dia acabado
Junto ao sargaço espalhado de tudo o que se não fez