- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

A vida que há na saudade

Tiago Torres da Silva / Alfredo Duarte *fado cravo*
Repertório de Cristina Nóbrega 

Quando o silêncio me diz
Que a vida está por um triz
E eu sei que fala verdade
Vou pra trás duma guitarra
E a minha voz agarra
A vida que há na saudade

Vem um fado e outro fado
E o coração cansado / Diz que não quer sofrer tanto
Porque já sabe de cor
O que lhe faz o menor / De cada vez que o canto

Mas o guitarrista toca
Uma guitarra que evoca / Outra guitarra mais triste
Está guardada no meu peito
E toca um fado que é feito / Da dor mais forte que existe

Ao escutá-la no meu sangue
O meu coração exangue / Volta a bater com vontade
E é nas cordas da viola
Que a minha vida se enrola / Na vida que há na saudade