- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - - - -
As 5.440 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os
- - - - -
Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE *filósofo*
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Velho marujo

Pedro Homem de Melo / Manuel Lima Brumond
Repertório de Teresa Tarouca

Velho, um marujo sonha... onde ele fôr
Hão-se arrastar-se as cordas da viola
Outrora jovem, mendigava amor
E sendo pobre, recusava esmola

A quem de noite lhe pedisse lume
Com um sorriso ingénuo, respondia
E logo a rua má tinha perfume
E em todos os relógios era dia

Hoje vagueia no jardim deserto
Sómente as ondas vêm bater no cais
E a sua enxerga sórdida, já perto
Revela manchas que não saem mais

Nenhuma estrela rasga a escuridão
Nenhuma prece oculta nos inspira
Nem mesmo a glória de esconder em vão
Seus olhos, côr de pérola e safira