- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.650 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Pequenas verdades

Letra e música de: Javier Limón
Repertório de Mariza

No meu deserto de água não havia luz para te olhar
Tive que roubar a lua para te poder iluminar
Quando iluminei o teu rosto fez-se dia no meu corpo
Enquanto eu te iluminava, minha alma nascia de novo

São as pequenas verdades

As que guiam o meu caminho
Verdades brancas como a manhã

Que abre a janela do nosso destino
Como o teu olhar quando tu me olhas
Como a tua lembrança depois de partires;
É verdade que a sombra do ar me queima
É verdade que sem ti morro de pena

Misteriosa era a tua boca, misterioso o meu lamento
Mas não sei se o nosso amor de primavera
Foi mentira, ou uma paixão verdadeira
Quando a solidão regresse, cega de amor irei até á morte
As verdades só existem pelos recantos da mente
Essa pequenas verdades que guiaram meu caminho