- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.520 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Olhos turvos

Letra e musica de Branco de Oliveira
Repertório de Artur Batalha

Que paixão voraz me abrasa / Por temer o teu adeus
Meu peito é a tua casa / Marcada com beijos teus

Se é lascivo o teu amor / Isso só pra mim é pouco
Como a terra prende a flor / Preso a ti eu ando louco

Mesmo que mintas 
E que não sintas amor por mim
Diz que me amas 
E que me chamas até ao fim
O amor é luz que o céu produz
Pra quê sofrer
Mesmo que vás, que vás em paz
Hei-de viver

Ao ver fixo o teu olhar / No passado ou no futuro
Sou capaz até de amar / Como vês, por Deus te juro

É o inferno ao dormires / Nos teus braços eu desperto
Tenho pena que suspires / E que eu não esteja perto