- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.530 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Alta noite

Manuel de Andrade / Joaquim Campos *fado tango*
Repertório de Joana Amendoeira

Alta noite, quando canto
Meus olhos mais longe vão;
Haja neles tristeza ou pranto
Tudo se esvai por encanto
No som da minha canção

Meus olhos que tristemente / Longe te veêm tão perto
Veêm de um modo diferente
Porque cantando, somente / Os abro mais e me liberto

Meu amor, vou-te cantando / A canção que canto ao céu
Meus dedos vão-se moldando
Meus versos vão-te tornando / Mais perfeito e menos meu

Certas noites, ao cantar / Caminho num mundo estranho
Mais branco fica o luar
Mais perto perece estar / Tudo o que quero e não tenho