- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.515 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Tantas Lisboas

Tiago Torres da Silva / Miguel Ramos *fado margaridas*
Repertório de Marco Rodrigues

Às vezes olho as luzes da cidade
Mas não consigo dar um passo em frente
Há dias em que é tanta a claridade
Que a gente fica cega de repente

Nos becos mais sombrios e mais escuros
Consigo ver a alma das pessoas
Correndo ruas e galgando muros
É que eu descubro haver tantas Lisboas

Existe uma cidade em cada esquina
E cada esquina guarda algum segredo
Quem o desvenda, sabe ler-lhe a sina
Quem não o faz, sujeita-se ao degredo

São tantas as Lisboas, só um Tejo
O rio que é quase um mar quando aqui chega
São tantas que eu às vezes nem as vejo
Pois quando há luz demais, a gente chega