<> Canal de Rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça a Rádio Bocas do Fado

<> <> <>
As 5.750 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Por seres tão triste

Letra e musica de Jorge Fernando
Repertório de Fábia Rebordão

Como dizer-te, ousar falar, como contar-te?
Que sinais eu posso dar-te?
Já que a voz teima em calar-se
Se não me entendes, o que fazer deste meu jeito?
De sentir bater-me o peito
Que quase o sinto a rasgar-se

Por seres tão triste
Roça-me a alma o suave encanto
Quase a carícia a dar-se tanto
Pousar-te as mãos por sobre o rosto
Por seres tão triste
Dou-te os meus olhos para que vejas
A intensa luz na noite, p'ra que sejas
Num olhar triste, os olhos de que eu gosto

Há nos meus olhos estranho brilho a trair-me
Que o amor ao possuír-me
Denúncia a alma impura
Tenho receios, sentimentos persistentes
Por não saberes o que sentes
Sei-me assim tão insegura