As 5.180 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores !!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
<> POR FAVOR, alerte-me para qualquer erro que encontre <>
<> Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Por motivos alheios à minha vontade, o motor de busca nem sempre responde satisfatóriamente *

* A seleção alfabética é da responsabilidade da blogspot !!!
* Caso necessite de ajuda envie a sua mensagem para: fadopoesia@gmail.com *
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Não volto a fazer as pazes

Jorge Barradas / Joaquim Pimentel
Repertório de Manuel Fernandes

Já tantas vezes disseste / Vou deixar-te, vou partir
Já tantas vezes disseste / Que se quiseres podes ir


Podes ir porque eu não vou / Atrás de ti, como outrora
Já tantas vezes disseste / Que se quiseres, vai agora


Tudo o que é demais enjoa
Sempre a mesma coisa cansa
E tu já não és criança 

P'ra não saberes o que fazes
Se queres ir embora vai 

Que eu juro por minha fé
Daqui não arredo pé

Nem volto a fazer as pazes

Pareces um catavento / Na maneira de pensar
De manhã, queres ir embora / À noite, já queres ficar


Vê se mudas de feitio / E ouve um conselho meu
Se continuas assim / Quem vai embora sou eu