- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.575 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Digo adeus ao teu adeus

Tiago Torres da Silva / Carlos da Maia
Repertório de Joana Amendoeira 

Disse adeus à despedida
E como o sonho convida
À surpresa da chegada
Acenei ao teu olhar
Que adormecia o luar
Nos ombros da madrugada

Vinha um dia e outro dia
E eu nunca me despedia / Das luas que iam morrendo
Ia-as guardando no peito
Que agora bate refeito / Do luar que em mim acendo

Talvez se eu te der um beijo
Tu descubras o que eu vejo / A brilhar dentro de nós
Uma lua e outra lua
E um sol que se insinua / Por dentro da minha voz

Por saber que a madrugada
É uma noite cansada / Onde o sol gosta de arder
Digo adeus ao teu adeus
Guardo os teus olhos nos meus / E deixo-me adormecer