- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.650 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

O sabor de saber

Rui Branco / Custódio Castelo
Repertório de Cristina Branco

Na nudez dos dias e nas frestas da lua
Deixo adivinhar o que não sabias antes
Que toda eu sou nua
Que toda eu sou tua

Guarda o aroma das palavras
Que nuas bailam na minha pele
Dá-me as mãos com que desenhas
Os infinitos caminhos de mel;
Que apenas sei quase a medo
Mas que guardo quase em segredo

Guarda o meu sabor sem palavras
Que eu nada direi do que sabes
Do frémito da chama do desejo
Do súbito arrepio de te ter