- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Bola de neve

José Fernandes Castro / Francisco José Marques *fado zé negro*
Repertório de Nelson Duarte
Também gravado por JFC na música da balada de António dos Santos

Fiz uma bola de neve
Que sendo discreta e leve
Não passou despercebida;
Embora pouco formosa
Tornou-se mais valiosa
Porque entrou na minha vida

Rolou pelo meu destino
E do meu sonho menino / Fez um sonho mais real
Transformou-se por magia / E para minha alegria

Fez-se bola de cristal

O tempo foi avançando
E a bola lá foi rolando / Com enorme precisão

E quando a lei da mudança / Me fez perder a esperança
Fez-se bola de sabão

Nesta passagem fugaz
P'la vida, que só nos traz / Sufocos de maré cheia
Peguei na bola neve / E com o ânimo leve

Fiz um castelo de areia