- - - - - - - - - -

- - - - - - - - - -
- - - - - - - - - -

° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.170 LETRAS PUBLICADAS // 1.970.000 VISITAS // OUTUBRO 2020

Atingido este valor // Que me faz sentir honrado // Continuo, com amor // A ser servidor do fado.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que nao constam do índice.

Caso encontre alguma avise-me, por favor.

Se não encontra o Fado preferido // Envie, por favor, o seu pedido.

Gonçalo Velho

Amadeu Augusto dos Santos / Raúl Ferrão
Repertório de Hermínia Silva

Este navio, o Gonçalo
É pequenino, deixá-lo / Mas é valente e resiste
E p’rós que ousam duvidar
Chega bem p’ra lhes mostrar / Que Portugal ‘inda existe

Um navio era preciso
P’ra a Armada tomar caminho / E ter uma esquadra enorme
E como se chama “aviso”
É p’ra avisar o povinho / De que a Marinha não dorme

Ser marinheiro
É ser bravo, é ser valente
É amar este cantinho
Que se aperta assim na mão
Ser marinheiro
É trazer constantemente
Portugal todo inteirinho
Cá dentro do coração

Por já estar muito velhinha
A velha esquadra não prova / É dito já velho e relho
Para dar força à Marinha
Mas p’ra vir a esquadra nova / Lá foram buscar um velho

É mais uma fortaleza
Com que a Marinha de guerra / Vai doravante contar
E defender com nobreza
Este pedaço de terra / Que nos custou a ganhar