- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Meu amor vem ver o rio

Carmo Rebelo de Andrade / Fernando Alvim
Repertório de Carminho

Meu amor vem ver o rio
Corre corre de mansinho
Lembra as saudades que tenho
Memórias que não detenho
No correr do meu caminho

Meu amor vem ver o rio / Corre corre devagar
Lembra a saudade que sinto / Esta que escondo e que minto
Se não te vejo chegar

Mas vai nele uma certeza / Corre veloz como o vento
São memórias de outras águas / As suas vidas e mágoas
Presas no correr do tempo

Meu amor vem ver o rio / Desce um triste recordar
Saudades do que partiu / Diz adeus ao casario
E assim se entrega ao mar