- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.515 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Lençóis de fado

Euclides Carvalho / Alfredo Gago da Câmara
Repertório de Paulo Filipe

Não sei se é fado ou destino

Esta forma de viver
Que tenho desde menino

E alimento até morrer

Fiz da guitarra meu leito / Sem lençóis mas confortado
Por descobrir que em meu peito / Existem lençóis de fado

Eu tenho o fado na alma / E às vezes sonho acordado
Mesmo só na noite calma / Meus lençóis cheiram a fado

O fado nasceu comigo / E a cantá-lo sou feliz
Por dar refúgio e abrigo / À canção do meu País