- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.500 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Isto só há em Lisboa

Manuel Paião / Eduardo Damas
Repertório de José Viana

Sardinheiras nos beirais / Uma vez que um fado entoa
Craveiros numa janela / Isto só há em Lisboa

A raça duma chinela / Ao passar na Madragoa
O gingar duma varina / Isto só há em Lisboa

Vielas como as de Alfama
Que o nosso Tejo abençoa
Colinas como a da Graça
Isto só há em Lisboa
E a alma duma cidade
Que é garrida bela e boa
Não procurem meus amigos, não procurem
Isto só há em Lisboa

Um rio de velas brancas / Uma voz sã que apregoa
Um cravo num manjerico / Isto só há em Lisboa

E o fado, canção que é vida / Numa tela de Malhoa
Isso niguém tem no mundo / Isto só há em Lisboa