<> Canal de Rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça a Rádio Bocas do Fado

<> <> <>
Este espaço foi criado <> Com grande dedicação <> Por alguém que faz do fado <> A sua religião.

<> <> <>
As 5.845 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

Ai dona feia foste-vos queixar

Natália Correia / Fontes Rocha
Declamado por Ary dos Santos
Adaptação de Natália Correia de uma cantiga medieval da autoria de João Garcia de Guilhade

Ai dona feia, fostes-vos queixar
De que vos nunca louvo em meu trovar
Mas umas trovas vos quero dedicar
Em que louvada de toda a maneira sereis
Tal é o meu louvar
Dona feia, velha e gaiteira

Ai dona feia, se com tanto ardor
Quereis que vos louve como trovador
Trovas farei de tal teor
Em que louvada de toda a maneira sereis
Tal é o meu louvor
Dona feia, velha e gaiteira

Ai dona feia, nunca vos louvei em meu trovar
Eu que tanto trovei
Eis que umas trovas vos dedicarei
Em que louvada de toda a maneira sereis
E assim vos louvarei
Dona feia, velha e gaiteira