- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Fui ao mar buscar sardinhas

Amália Rodrigues / Carlos Gonçalves
Repertório de Amália

Fui ao mar buscar sardinhas

Para dar ao meu amor
Perdi-me nas janelinhas
Que espreitavam do vapor

A espreitar lá do vapor / Vi a cara dum francês
E sejá lá como for / Eu vou ao mar outra vez

Eu fui ao mar outra vez / Ia o vapor de abalada
Já lá não vi o francês / Vim de lá toda molhada

Saltou-me de mim toda a esperança / Saltou do mar a sardinha
Salta a pulga da balança / Não faz mal, não era minha

Vou ao mar buscar sardinha / Já me esqueci do francês
A idéia não é minha / Nem minha nem de vocês

Coisas que eu tenho na idéia / Depois de ter ido ao mar
Será que me entrou areia / Onde não devia entrar?

Pode não fazer sentido / Pode o verso não caber
Mas o que eu me tenho rido / Nem vocês queiram saber

Não é para adivinhar / Que eu não gosto de adivinhas
Já sabem que eu fui ao mar / E fui lá buscar sardinhas

Sardinha que anda no mar / Deve andar consoladinha
Tem água, sabe nadar / Quem me dera ser sardinha!