- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.520 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Canção do pescador

Alberto Santos / Jaime Mendes
Repertório de Alberto Ribeiro

O bem que algum dia se perdeu
Quis sonhar e encantar
Logo se vai para nunca mais voltar

Se a luz brilha apenas p’ra morrer
Nesta vida melhor fora nunca a ver

Rogai sobre estas águas
Batel das minhas mágoas
Que ao longe vai o meu coração
Canção dum ameno roteiro
Farol guiando o barqueiro
Ó luar, vem ouvir a canção

Canção da saudade e do amor
Ao som da ligeira brisa
Canta o pescador